Uma introdução antropológica ao YouTube

O conhecido Michael Wesch, professor de antropologia da Kansas State University, que ficou famoso pelo vídeo "The Machine is Us/ing Us" (visto quase 7 milhões vezes!...) produziu recentemente um novo vídeo que constitui uma espécie de estudo antropológico sobre o próprio YouTube... São 55 minutos interessantes, que mais para o final são mesmo poéticos e comoventes:



Já agora, aproveito para colocar aqui um outro vídeo de uma conferência dada pelo mesmo Michael Wesch na Universidade de Manitoba, Canadá, em 17 de Junho passado. Mais de uma hora a reflectir quais as implicações possíveis das novas tecnologias no mundo da educação. Intitula-se "A Portal to Media Literacy":

1 comentário:

ana paula pinto disse...

Muito interessantes os dois vídeos.Apesar do jeito animador do Michael Wesch, fizeram-me sentir um pouco "stupid".